O que são plantas automáticas Deixe um comentário

As sementes de cannabis autoflorescentes (automáticas) produzem plantas que florescem sozinhas após 2 a 4 semanas de crescimento. Os produtores não precisam se preocupar em mudar o horário de luz para iniciar e manter a fase de floração, como fariam se cultivassem cannabis feminizadas com fotoperíodo.

As autoflorescentes também precisam de muito menos tempo para crescer. Algumas variedades estão prontas para colheita em 8 semanas após a germinação. Além disso, as autoflorescentes são compactas, o que as torna ótimas para cultivo interno.

Sementes sem fotoperíodo: o que isso significa?

As plantas de canábis feminizadas (fotoperíodo) florescem em função das horas de luz que recebem. Na natureza (outdoor), elas começam a florescer quando os dias ficam mais curtos no final do verão. Dentro de casa (indoor), os cultivadores iniciam a floração ajustando suas luzes de cultivo para 12 horas de luz e 12 horas de escuridão.
Em contraste, as variedades autoflorescentes florescem com base na idade, independentemente das horas de luz, o que significa que são variedades sem fotoperíodo. As autoflorescentes têm várias características notáveis:

  • As plantas florescem automaticamente após 2 a 4 semanas.
  • O período médio entre o plantio e a colheita é de 10 semanas.
  • As sementes autoflorescentes também são feminizadas. Não há necessidade de se preocupar com plantas masculinas (comprando de empresas confiáveis).
  • As plantas permanecem pequenas (30–120 cm).
  • Você pode colher várias safras por ano.

Particularidades das Automáticas

As autoflorescentes que apareceram pela primeira vez no mercado no início dos anos 2000 não impressionaram muito. Elas não eram muito potentes, seu aroma era escasso e seus rendimentos também não eram grandes.

Mas as autoflorescentes percorreram um longo caminho desde então. As autoflorescentes modernas rivalizam com as semente de fotoperíodo feminizadas (e algumas até as superam) em termos de potência, rendimento e aroma. No entanto, elas ainda fornecem os mesmos grandes benefícios mencionados acima, além de terem a reputação de serem particularmente estáveis e robustas.

Hoje em dia, as autoflorescentes podem satisfazer até os usuários mais exigentes: os usuários recreativos não terão dificuldade em encontrar variedades automáticas ricas em THC, e os usuários holísticos podem obter autoflorescentes com baixo teor de THC, mas alto teor de CBD para se beneficiar do canabinóide não psicoativo.

Os prós e os contras das sementes de maconha Automáticas

Como são criadas as plantas autoflorescentes?

As semente autoflorescentes são criadas pelo cruzamento de plantas indica ou sativa com ruderalis. Ruderalis é um subtipo selvagem de cannabis que cresce em regiões onde o verão é muito curto, mas apresenta muitas horas de luz do dia (por exemplo, norte da Europa ou Sibéria). Essas plantas evoluíram para não depender das horas do dia para florescer, florescendo de acordo com a idade.
A Ruderalis por si só não é muito útil: seus botões não produzem uma alta e as plantas são pequenas com baixos rendimentos. No entanto, os criadores descobriram que podiam cruzar linhagens indica e sativa de alta qualidade com ruderalis para torná-las autoflorescentes. Isso revolucionou o cultivo de cannabis ao fundir as melhores características de todas as subespécies de cannabis.

A influência dos terpenos nas sementes autoflorescentes

Os terpenos são os compostos aromáticos da cannabis. Cada semente tem um perfil de terpeno diferente, o que lhes confere aromas e sabores distintos. Então, se você está fumando seus botões autoflorescentes e pode sentir ou cheirar notas cítricas, florais, frutadas, skunk ou até mesmo de combustível, isso se deve ao perfil distinto de terpeno de sua semente. Também é sugerido que os terpenos fazem mais do que oferecer sabores e cheiros atraentes; eles podem até influenciar o efeito que uma semente tem.

Sementes Populares de Cannabis Autoflorescentes

Aqui estão algumas das variedades autoflorescentes mais populares, baseadas em famílias conhecidas de variedades de cannabis.

  • Lowryder (Quick One, Diesel, Solomatic CBD)
    Lowryder foi a primeira flor automática “comercial”, lançada no início dos anos 2000. Com base nessas genéticas lendárias estão o Quick One, o Diesel Automatic e o Solomatic CBD da Royal Queen Seeds – este último voltado para usuários holísticos, pois contém 21% de CBD e menos de 1% de THC.
  • Kush (Bubble Kush Auto, Royal Kush Auto)
    A “mãe de todas as indicas”, Kush também está bem representada nas autoflorescentes que você pode obter na Royal Queen Seeds. Confira o frutado Bubble Kush Auto ou Royal Kush Auto, ambas variantes autoflorescentes de sementes clássicas.
  • Haze (Amnesia Haze Auto, Royal Haze Auto, Royal Jack Auto)
    A famosa família de sementes Haze fornece um zumbido cerebral que o torna ideal para fumar durante o dia. A RQS tem variantes autoflorescentes das Hazes clássicas, incluindo Amnesia Haze e uma Jack Herer autoflorescente chamada Royal Jack Auto. Royal Haze Auto é um cruzamento entre Amnesia Haze, Skunk e ruderalis.
  • Afegão (AK Auto, NL Auto, Critical Auto)
    Apreciado no Oriente Médio há séculos, o Afghan é outra variedade clássica de cannabis amada por fumantes e produtores. Aproveite os efeitos relaxantes e as notas picantes do AK Auto, Northern Lights Auto ou Critical Auto da RQS, juntamente com seus excelentes rendimentos.
  • Cookies (Gorilla Auto, Cookies Auto)
    Da costa oeste dos Estados Unidos, vem a imensamente popular família de variedades Cookies – famosa não apenas por seus sabores doces de sobremesa, mas também por seu efeito edificante e social. Algumas das melhores autoflorescentes com genética Cookies são a Gorilla Auto da Royal Queen Seeds (baseada na ultrapotente Gorilla Glue) e a Cookies Auto.
  • Mirtilo (Haze Berry Auto, Bluematic)
    Famosa por suas notas de frutas doces é a famosa família “Blue” de cannabis. Originalmente da costa oeste dos EUA, o Blueberry foi infundido em duas ofertas populares de RQS: o Haze Berry Auto combina o Haze Berry e o Blueberry Auto, enquanto o Bluematic é a variante automática do Blueberry original.
  • Roxo (Purple Queen Auto, Purplematic)
    Feita a partir de variedades Kush selecionadas do Afeganistão e do Paquistão, a família Purple de cannabis apresenta plantas com uma aparência deslumbrante. Purple Queen Auto é uma variante automática de Purple Queen, e Purplematic CBD tem 17% de CBD e apenas vestígios de THC para uma moca limpa e clara.
  • Banana (Banana Blaze)
    O que você ganha quando adiciona a genética Cookies a um dos Kushes mais frutados, Fat Banana? É isso mesmo, você obtém uma delícia de cannabis incrivelmente frutada. Com 22% de THC, este também é notavelmente potente, proporcionando um golpe duplo para os aficionados por cannabis.
  • Gelato (Gelato Verde Automático)
    Os amantes da boa erva da Califórnia não vão dizer não Green Gelato Auto da RQS. Esta menina foi feita combinando Green Gelato com uma autoflorescente Girl Scout Cookies. O resultado: um aroma incrível e uma potência alucinante (24% THC).
  • Skunk (Royal Dwarf, Sweet Skunk Automatic)
    Nenhuma lista de boa cannabis estaria completa sem a lendária família Skunk. Royal Dwarf combina ruderalis com Skunk, enquanto Sweet Skunk Automatic adiciona a magia de autoflorescência a Early Skunk e Critical. Sabores picantes e skunky em abundância!
  • Cheese (Royal Cheese Auto, Blue Cheese Auto, Fast Eddy)
    Para todos os fãs do famoso queijo do Reino Unido, a Royal Queen Seeds também o cobre: Royal Cheese Auto tem um sabor picante e fornece uma pedra profunda. Fast Eddy Automatic CBD também é feito com essas genéticas lendárias do Reino Unido: baixo teor de THC (9%) e rico em CBD, ela fornece uma euforia clara e suave.

Como cultivar sementes autoflorescentes

  • Dois itens são essências para o sucesso de seu plantio.Luz, uma iluminação de qualidade produz colheitas mais abundantes e buds mais gordos.Solo, um solo leve e bem drenado é essencial para sua planta crescer vigorosamente.
  • Dentro de casa (indoor) x Fora de casa (outdoor)Dentro de casa: Não há necessidade de mudar suas luzes para um cronograma de floração, como na cannabis fotoperíodo. Você pode manter suas autoflorescentes em um horário de 18/6 (18 horas de luz, 6 horas de escuridão) ou 24/0 de luz, desde a semente até a colheita.
  • Fora de casa: Você pode plantar suas automáticas em qualquer época do ano. Se você reside em algum estado que não recebe muita luz solar em algumas estações do ano, complemente com luz artificial, assim terá colheitas satisfatórias.
    Colha com aproximadamente 8 a 10 semanas após o plantio. Se você plantar suas autoflorescentes com várias semanas de intervalo, poderá obter várias colheitas por ano! As autoflorescentes são furtivas e compactas. Isso os torna perfeitos para operações externas discretas.
  • Quanto tempo você precisa para cultivar autoflorescentes?

    Em geral, as autoflorescentes estarão prontas muito mais rapidamente do que a cannabis feminizada de fotoperíodo. O ciclo de vida médio das autoflorescentes é de cerca de 10 semanas, com algumas sementes prontas em até 8 semanas após a germinação.
  • Você pode cultivar fotoperíodo feminizada e cannabis autoflorescente na mesma sala de cultivo?

    Você pode, mas não é o ideal. Um problema pode ser a diferença de tamanho entre os dois tipos. A outra é que você precisará mudar suas luzes para 12/12 para florescer suas plantas de fotoperíodo, o que significa que suas automáticas terão menos do que às 18 ou 20 horas de luz recomendadas e, como resultado, seus rendimentos serão menores.
  • Temperatura e umidade ideais para o cultivo de autoflorescentes

    Mantenha a temperatura da sua sala de cultivo entre 21°C a 26°C (temperatura ambiente) para um crescimento saudável. Temperaturas mais frias ou calor excessivo podem levar a problemas de crescimento e estresse. Para obter melhores resultados, cultive em um ambiente onde você possa manter o controle total. Use ar condicionado, se necessário.
  • A umidade ideal para suas autoflorescentes depende da idade da sua planta. Na fase de vegetação mantenha a  umidade entre 60 – 70%. Já na floração diminua para 40 – 50%, para reduzir o risco de mofo.

 

  • Que tipo de água usar para autoflorescentes?

Como as autoflorescentes são menores e têm um sistema radicular menor, elas também bebem menos do que as grandes plantas feminizadas de fotoperíodo. Não regue demais e nunca deixe o solo secar totalmente.

Ao crescer no solo, o nível de pH ideal da sua solução de água/nutriente é de 5.8 a 6.5, você pode ajustar sua água para o nível correto de pH usando produtos naturais de pH “para cima (ph up)” ou “para baixo (ph down)”.

  • E quanto ao treinamento de plantas com cannabis autoflorescente?

Técnicas de treinamento de plantas, como topping (poda top), FIM, super cropping e desfolhamento, não são recomendadas para iniciantes. Qualquer treinamento que envolva danos às suas plantas retardará ou interromperá temporariamente seu crescimento e requer tempo para recuperação – tempo que as autoflorescentes não têm (dado seu tempo de vida limitado). Você acabaria com rendimentos muito reduzidos. Por outro lado, você pode tentar um treinamento de plantas suave, como LST (treinamento de baixo estresse), onde você dobra os caules e galhos para criar um dossel uniforme e otimizar a exposição à luz.

Agora se você já é um cultivador experiente e deseja mesmo assim realizar algum tipo de poda e desfolhação, aconselhamos a poda topping (poda top). É uma poda extremamente fácil de fazer e com ótimo retorno, já a  desfolhação fazer apenas em dois casos, folhas atrapalhando a passagem de luz ou pragas em algumas folhas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *